Acidentes de trabalho causam mais de duas mortes por mês no Rio Grande do Norte

por Redação

Triste estatística de 2013 se confirma em Abril, quando acidentes vitimaram trabalhadora de supermercado, o trabalhador de uma fábrica e um empregado da Caern

Natal (RN), 27/04/2015 – Dados da Previdência Social revelam que os acidentes de trabalho causaram 27 mortes em 2013, no Rio Grande do Norte, o que significa mais de duas vítimas por mês, um aumento de 28% no total de acidentes fatais, em relação a 2012. No mês de abril, essa triste estatística se confirma no estado, com a morte da trabalhadora de um supermercado, do trabalhador de uma fábrica e de um empregado da Caern, conforme noticiado em blogs e veículos locais. Os três acidentes estão sob investigação do Ministério Público do Trabalho no Rio Grande do Norte (MPT/RN).

Neste mês, acontece o movimento Abril Verde, que tem por objetivo alertar e mobilizar a sociedade para a prevenção de acidentes e das doenças relacionadas ao trabalho. Para estimular a construção de uma cultura da prevenção e evitar que novas tragédias ocorram, a procuradora regional do Trabalho Ileana Neiva participa, em Natal, de encontros e seminários sobre o tema.

No dia 22 de abril, ela foi palestrante do I Encontro sobre Notificação dos Agravos em Saúde do Trabalhador, no auditório da Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) do RN. Na oportunidade, falou aos diretores de hospitais e demais interessados acerca da importância da notificação dos agravos à saúde do trabalhador ao SINAN – Sistema de Informação de Agravos de Notificação.

Para a procuradora, “a notificação é fundamental para identificar empregadores que precisam adotar medidas urgentes de proteção aos trabalhadores, antes que seja tarde demais”. No RN, dos 6817 acidentes de trabalho ocorridos em 2013, somente 4575 foram registrados com a respectiva emissão da Comunicação de Acidente de Trabalho, segundo o Anuário Estatístico de Acidentes da Previdência Social.

Segundo explica, muitas empresas não comunicam o acidente de trabalho à Previdência Social, o que gera a subnotificação. “Mas se os hospitais notificarem o acidente ao atenderem os trabalhadores acidentados, a omissão da empresa não impedirá os órgãos de fiscalização de tomarem conhecimento dos fatos, para que possam atuar preventivamente, eliminando os riscos de novos acidentes da mesma espécie”, afirma a procuradora.

Amanhã, 28 de abril, Dia Mundial em Memória às Vítimas de Acidentes e Doenças do Trabalho, a procuradora participa, às 9h, de mesa redonda com a temática “O Trabalho e os seus impactos na Saúde do Trabalhador”, que acontece no auditório da sede do MPT/RN, em Lagoa Nova, na capital potiguar. Na parte da tarde, ela estará no Seminário “Pela construção de uma cultura de prevenção de acidentes no trabalho”, que segue até o dia 29, no Campus Central do IFRN.

Nesta data, a procuradora alertará para o risco do aumento de adoecimentos e acidentes decorrentes do trabalho, caso o PL da Terceirização seja aprovado. Os números do DIEESE retratam que em 80% dos acidentes de trabalho, as vítimas realizam atividades terceirizadas. Para a procuradora, “os números atuais já são assombrosos, pois revelam que 4 em cada 5 mortes relacionadas ao trabalho são de prestadores de serviços terceirizados”, lamenta ela.

No evento que acontece na sede do MPT/RN, serão distribuídas fitas na cor verde, para que os participantes possam aderir à campanha e espalhar o movimento Abril Verde no estado.

Partcipe!

SERVIÇO

28/04 – Dia Mundial em Memória às Vítimas de Doenças e Acidentes de Trabalho

09h – Mesa temática 1: “O Trabalho e os seus impactos na Saúde do Trabalhador”

10h30 – Mesa temática 2: “A Saúde no Trabalho sob a perspectiva do Trabalhador e a Participação Social”

Local: Auditório da sede do MPT/RN – na Rua Dr. Poty Nóbrega, 1941, Lagoa Nova

Informações: Ascom – 84 9113-8454

28 e 29/04 – Seminário “Pela construção de uma cultura de prevenção de acidentes no trabalho em SST”

Local: Auditório do Campus Central do IFRN – na Avenida Salgado Filho, Lagoa Nova

Informações: (84) 4005-9843 / 4005-9842

28abril.ifrn@gmail.com / ccs.cnat@ifrn.edu.br

http://portal.ifrn.edu.br/campus/natalcentral

Assessoria de Comunicação (Carolina Villaça)
Ministério Público do Trabalho no RN
Fones: (84) 4006-2893 / 9113-8454
Twitter: @MPTRN
E-mail: prt21.ascom@mpt.gov.br



Categorias

Siga @abrilverdeoficial no Instagram